Revogaço | Saúde Mental

0
114

O governo Jair Bolsonaro planeja revogar mais de 100 portarias que estruturam a Política Nacional de Saúde Mental, editadas entre 1991 e 2014 – prática que vem sendo chamada de “revogaço” por entidades defensoras da Reforma Psiquiátrica.

Dentre as revogações estão o fim dos CAPS-AD, do programa De Volta para Casa, das equipes de Consultório na Rua, do Serviço Residencial Terapêutico e dos atendimentos psiquiátricos nos CAPS-TM.

Saiba mais na live organizada pelo Sindypsi, que contará com as presenças de:

• Ana Paula Guljor – psiquiatra, vice-presidente da Associação Brasileira de Saúde Mental (ABRASME) e coordenadora do LAPS/ENSP/ FIOCRUZ.

• Maria Lucia Boarini – psicóloga, docente do Programa de Pós-graduação de Psicologia da UEM e coordenadora do Grupo de Estudos e Pesquisas Higiene Mental e Eugenia (GEPHE).

Nessa quarta (16/12)
Às 20h
Pela página do Sindypsi

www.facebook.com/sindypsi

 

Sem comentários

Deixe uma resposta

*